130-PERFIL DO PROFISSIONAL “SELO BE” – Instituto Brasileiro de Terapias Holísticas
Descubra como a terapia energética do Reiki atua na saúde, alinhando corpo e mente, e promovendo bem-estar e equilíbrio.

130-PERFIL DO PROFISSIONAL “SELO BE”

❤️ Deixe sua Avaliação Positiva post

Loading

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

PERFIL DO PROFISSIONAL “SELO BE” 

28/04/2023

“Mestre não é sempre quem ensina, 

mas quem de repente aprende” (Guimarães Rosa).  

Introdução 

No contexto da trilogia – missão, visão e valores – a SELO BE, selo de SER, de  “bem-estar”, o Instituto Brasileiro de Terapias Holísticas (ibrath) e a  faculdade PANAPANAM, apresentam seu propósito educativo, com o  objetivo de orientar as ações organizacionais, a formação de colaboradores  e a profissionalização de novos terapeutas.  

Garantir o clima de relações saudáveis alinhado à cultura da empresa, para  se aprender a valorizar o significado: a) do trabalho1, b) do propósito  pessoal, profissional e institucional e c) do sentido de experimentar-se  produtivo e reconhecido em trabalho de equipe. 

Estar e ser um selo de bem-estar, uma marca de referência no mercado, é  fazer diferença desde a raiz, na inovação de abordagens, na ressignificação  de visões e na associação de novos valores às práticas terapêuticas2 e às  políticas3 governamentais de saúde – SUS4 

1 O trabalho tem um lugar significativo na vida do ser humano. É por meio dele que o homem constrói sua identidade, suas  relações pessoais e encontra uma razão para se sentir útil – feliz. 

2 As práticas terapêuticas, chamadas de práticas integrativas e complementares, são recursos que buscam a prevenção de  doenças e a recuperação da saúde. Baseadas em conhecimentos tradicionais, voltadas para prevenir diversas doenças  (depressão e hipertensão). Pode-se administrar melhor os sentimentos uma vez que o autoconhecimento é estimulado para  lidar melhor com ideias negativas e emoções adversas.  

3 Estratégia Saúde da Família, Programa Nacional de Imunizações, Controle da AIDS, Sistema Nacional de Transplantes e  Programa Nacional de Controle ao Tabagismo. 

4 O SUS, com esse caráter de política inclusiva, solidária e universal, que acolhe todos os cidadãos, independentemente de  sua nacionalidade e sem exigir qualquer documento, deve ser reconhecido e celebrado como um patrimônio cultural e social  não só do povo brasileiro, mas da humanidade” (MS).

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

Inovação 

A empresa SELO BE, simbólica e politicamente5 se faz representar pela  flutuante borboleta branca sobre a flor de lótus, a bandeira do Brasil e o  planeta Terra, com a inscrição “BE”, de SER, por uma cultura de bem-estar,6  espiritualidade7 e sustentabilidade8, que promova, de modo afirmativo, a  visão de mundo e ser humano.  

Pensar a borboleta enquanto metáfora de transformação, é a maneira  didática de se compreender o processo de inspiração, intuição, criação e  expressão, que se revelam a partir da experiência de “transcendência9”. 

Com a experiência da transcendência, busca-se ampliar a consciência e a  responsabilidade, individual e coletiva, do fazer-se humano no universo, no  mundo social e nas organizações.  

Por meio da vivência comunitária e da espiritualidade10, chega-se a uma  mudança profunda no interior do ser humano que permite desenvolver a  integração consigo mesmo e com os outros, na valorização das relações  inter/intra existenciais.  

Assim, torna-se necessário repensar a espiritualidade para além dos desvios  e abusos conceituais. É preciso ousar, ultrapassar e agregar valores para  discernir os limites do exclusivamente teológico e religioso, no uso  conceitual, dessa expressão, culturalmente enraizada e dominante.  

5 Segundo o filósofo grego Aristóteles, a política é a ciência que tem por objetivo a felicidade humana e divide-se em ética (que  se preocupa com a felicidade individual do homem na Cidade-Estado, ou pólis), e na política propriamente dita (que se preocupa  com a felicidade coletiva (Wikipédia). 

6 A Organização Mundial de Saúde (OMS) define saúde como “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não  somente ausência de afecções e enfermidades”. 

7 A espiritualidade existe para que a realidade se transforme em esperança” (JBarros). 

8 Sensibilizar as pessoas para uma mudança radical visando acabar com a pobreza, a violência em suas diversas dimensões,  proteção do meio ambiente garantindo que todos possam ter o direito assegurado de paz e prosperidade” (ONU,2015). 9 Transcendência – “vivência que pode produzir mudança profunda no interior do homem e o leva à integração pessoal e à  integração com outros homens” (Giovanetti). 

10 Espiritualidade é a busca de conexão com aspectos externos, ampliando a consciência individual e coletiva para reconhecer  a capacidade de influência mútua entre os aspectos imanentes e os transcendentes, onde percebemo-nos como parte de um  todo maior que nós mesmos, atuando de forma a impactar positivamente o todo, sendo também impactados por este todo”  (Venske).

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

O fazer-se humano, passa necessariamente pelo significado da vida e da  razão de viver. Na espiritualidade se encontra a linguagem do sentido das  relações, em sentido carinhoso e figurado, segunda pele da existência. 

Considera-se um privilégio a oportunidade de se viver a espiritualidade,  compartilhada em comunhão com aqueles que experimentam,  diariamente, o sentido do trabalho e a razão de viver juntos.  

A borboleta é símbolo de intuição, renascimento e mensageira de boas novas. A borboleta branca representa a paz e a evolução na jornada  espiritual em muitas tradições culturais. As cores, a diversidade.  

O ciclo curto de vida, de uma semana, lembra a brevidade da vida,  vocacionada ao encantamento e à transcendência. 

Ressignificação  

“A pedagogia da transcendência tem sua base teórica na transversalidade  das inteligências, de modo especial, no diálogo construtivo da inteligência  socioemocional com a espiritual”(João Barros). 

E, se torna realidade por meio da “aprendizagem significativa”, enquanto  lugar da experiência e da construção do sentido.  

A partir dos conceitos e do horizonte paradigmático da holística, chega-se  à compreensão e superação de algumas concepções rígidas e imutáveis. 

A aprendizagem significativa procura oferecer oportunidades de vivências  para se aprender a aprender, experimentar a sair de si mesmo em direção  ao “fazer o outro existir”.  

Na pedagogia da transcendência encontra-se a cultura da empatia11 que  desafia o ser humano em suas três dimensões, básicas e práticas.  

11Empatia Cognitiva: habilidade de entender o ponto de vista da outra pessoa. Empatia Emocional: habilidade de sentir o que  o outro sente. Preocupação Empática: capacidade de sentir o que o outro precisa de você” (Paquelet).

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

As características da pedagogia se fazem notar quando agregam valores à  totalidade do ser humano, revitalizando a razão de viver.  

Ao expandir afetividade e efetividade nas inter-relações, reconstrói e  ressignifica o sentido da vida, o lugar do SER, no universo.  

Aqueles que experimentam uma visão de ser humano e de mundo desde  esse espaço, da pedagogia da transcendência, são bem encaminhados a uma mudança de mentalidade, a uma verdadeira metanoia12

Trata-se de uma passagem necessária – do casulo à libertação – provocados a romper os falsos limites do paradigma cartesiano, em direção à plenitude  da existência, ao espírito que é fonte da vida e da energia vital. 

É preciso aprender a aprender como identificar e se libertar do  conhecimento hegemônico e dominador que se apresenta sedutor em suas  manifestações de empoderamento. 

Ideologicamente se vende prosperidade e qualidade de vida para uma  minoria, em detrimento de uma vida sustentável para todos, com privilégios  para os “semelhantes mais semelhantes”, elitizados e elitizantes.  Associação  

Para experimentar a libertação das concepções rígidas e imutáveis, é preciso  pensar a prática, repensar a visão de mundo e de ser humano vigente e  dominante, emancipar-se, criar-se a si mesmo (autopoiese), aprender a  explicar-se, desde o horizonte da totalidade das coisas.  

E, de modo disponível, permitir-se sensibilizar, desde dentro, por essa  provocação holística – sem preconceitos, para além das limitações e  armadilhas da “Nova Era13”.  

12 Metanoia – transformação espiritual. 

13 Deste epicentro nasce a cultura da Nova Era, movimento que busca restaurar a tradição sagrada do homem postulando um  saber místico, pretendendo conectar o ser humano ao transcendente partindo não de instituições específicas, mas de  conhecimentos e práticas do esoterismo, ocultismo e magia” (F. Birchal).

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

Consequentemente, fala-se de novos rumos, uma nova caminhada se faz  necessária, é preciso seguir o mantra – “caminhante, não há caminho, o  caminho se faz ao caminhar” (Machado). 

Se faz necessário experimentar essa vibração – por meio da sensibilidade,  emoção e intuição – como superação do monopólio hegemônico da razão,  ao limitar a conceituação do mundo e do ser humano à compreensão linear  da realidade.  

Diga-se de passagem, a visão do mundo está condicionada à forma como o  ser humano enxerga, entende e se relaciona com tudo o que existe.  

Portanto, é preciso superar o pensamento cartesiano do mundo e do ser  humano e compreender a contribuição do pensamento holístico como  possibilidade transformadora da realidade, da vida e da sustentabilidade  planetária.  

Na visão de Viktor Frankl, somente quando o ser humano é considerado em  sua totalidade, de modo, bio-psico, social, espiritual, então ele pode  experimentar a “autotranscendência”, torna-se verdadeiramente humano.  

Sua “materialidade” se constrói pela “relação interpessoal”, fundamento  integrante de sua identidade.  

Os voos se tornam mais longos, altos e prazerosos quando se sai do casulo,  com o abandono das sombras do “mito da caverna”. Existe vida para além  do casulo, para além da caverna (…). 

No mundo, as pessoas têm o tamanho das asas que a vida proporciona para  voar. Experimente pensar, viver e agir a partir de ações transformadoras.  

Prepare-se para viver “fora do casulo”, para além dos limites do pensamento  cartesiano, mecanicista e dualista. Esse pensamento conduziu o homem até 

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

aqui e provocou o progresso sem limite e depredador, sem nenhuma  preocupação com a sustentabilidade.  

Permita-me o uso da linguagem figurada – a “larva” que rompe o casulo  existencial, passa por uma transformação e já borboleta, se junta ao  “bando” e aprende – a pensar, sentir e agir – “fora da “casinha”. 

A vida é maior que a visão físico-corpórea dada aos olhares (…). É preciso  aprender a aprender a enxergar para além do corpo.  

Enxergar para além do corpo é um movimento contagiante e revigorante…  em forma de nuvens, “bandos de panapanã” anunciam uma boa-nova – o  sentido da vida se encontra para além de “nós mesmos”, para além dos  casulos  

O sentido da vida é encontrado na conexão das partes e nas relações  sinérgicas, em direção à qualificação do ser na integralidade. 

O “cuidado com o outro” sinaliza – o sabor da superação narcísica, a  progressividade da aprendizagem e a abertura à “ transcendência”. 

Proposição  

Um novo horizonte se descortina… tenha bons propósitos diante do mundo  e do ser humano.  

Que tal instalar o hábito do “primeiro dia”. Sempre será o primeiro dia, que  retorna todos os dias, como primeiro, à semelhança do amanhecer, que se  renova, todos os dias, na diversidade de tons, em cada aurora. 

Desafiar em cada dia, o desejo e a vontade de viver. Manter sempre acesa  a chama da energia vital e para ser feliz basta expandir a positividade pela  vida.

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

Na interconexão da própria vida com outras vidas, encontra-se a visibilidade  daquele, próximo mais próximo que se revela companheiro da mesma  jornada. 

Segundo a OMS (1988), a SAÚDE é “o estado dinâmico de completo bem estar físico, mental, espiritual e social, e não apenas a ausência de doença  ou enfermidade”. Portanto, é preciso desenvolver habilidades e  competências na aprendizagem do aprender a aprender – praticando,  convivendo e aprendendo a ser.  

Trata-se de uma estratégia de transformação construtiva e disruptiva da  Selo Be, para se fazer presente no nicho da saúde, qualificando a vida, por  meio da formação continuada e da prestação de serviço. “Não dá mais para  conviver com concepções rígidas e imutáveis” (…). 

Será dada atenção prioritária às necessidades, às enfermidades e à busca  pelo estado completo de bem-estar ao ser humano.  

A começar pela oferta de formação profissional aos novos terapeutas, a  divulgação de produtos digitais/físicos e a prestação de serviço aos  consumidores, em diversas terapias14– inclusive a formação, em tempo de  serviço, dos colaboradores na empresa, para compreensão do sentido do  trabalho, na vida pessoal e profissional.  

Que tal experimentar algumas práticas (…) “exercícios de relaxamento,  exercício físico, meditação, reiki-completo-online-ead-ibrath%C2%AE%EF%B8%8F-r-39-90?_pos=2&_psq=reiki+ibrath&_ss=e&_v=1.0″>reiki-completo-online-ead-ibrath%C2%AE%EF%B8%8F-r-39-90?_pos=1&_psq=reiki-completo-online-ead-ibrath%C2%AE%EF%B8%8F-r-39-90?_pos=2&_psq=reiki+ibrath&_ss=e&_v=1.0″>reiki&_ss=e&_v=1.0″ title=”reiki-completo-online-ead-ibrath%C2%AE%EF%B8%8F-r-39-90?_pos=2&_psq=reiki+ibrath&_ss=e&_v=1.0″>reiki” data-wpil-keyword-link=”linked”>reiki-completo-online-ead-ibrath%C2%AE%EF%B8%8F-r-39-90?_pos=2&_psq=reiki+ibrath&_ss=e&_v=1.0″>reiki, programas de apoio à gestão da  diversidade, pilates, yoga, música, dança, programas de saúde, higiene e  educação alimentar”. Experimente as práticas de terapias holísticas (cf.  ibrath.br). Nelas se encontram experiências significativas de bem-estar.  

14 Medicina Tradicional Chinesa/Acupuntura, Medicina Antroposófica, Homeopatia, Plantas Medicinais e Fitoterapia,  Termalismo Social/Crenoterapia, Arteterapia, Ayurveda, Biodança, Dança Circular, Meditação, Musicoterapia, Naturopatia,  Osteopatia, Quiropraxia, Reflexoterapia, Reiki, Shantala, Terapia Comunitária … de saúde

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

Com certeza, a espiritualidade qualifica o bem-estar e alimenta a autoestima,  positivando a eficiência e eficácia. Sinta-se na esperança e o otimismo será  “apenas uma consequência”. 

Finalmente, sinta-se convidado a aprender a ser, isso é, aprender a  ressignificar a vida por meio da “pedagogia da transcendência”.  

Experimentar a transcendência15 na vivência do amor e da fraternidade, é o  caminho “Selo Be” de fazer o outro existir, desde as suas limitações. 

A semente da humanização brota no mundo quando o sentido da  “existência16”, se expande em cuidado pelo outro, de modo compartilhado.  

“Quando olho, sou visto, logo posso existir (Winnicott) 

“‘Na empatia, 

mora o entusiasmo apaixonante do espírito,  

 que me reflete, me habita e me faz existir, 

no outro” (João Barros). 

Pressupostos e propostas  

1) “Inteligência socioemocional” para compreender e ser compreendido17

  • Proposta – Saborear e respirar, ad infinitum, sem limites, a ternura e  vigor nas relações diárias, aí se encontra a energia vital para  empoderar as interconexões, oportunas e possíveis.  

15 Experimentar a transcendência… a transcendência é a grande força para superar a cisão homem–mundo. Segundo  Boff, o “espírito não é entendido como parte do ser humano ao lado do corpo, mas como totalidade humana enquanto é vida e  fonte de energia vital.” 

16 Ex–sistir significa sair de si mesmo e se colocar perante o psicofísico – “o sentido da vida é a própria vida”. É construir  a própria essência na temporalidade da existência (FRANKL, 1995). 

17 Inteligência socioemocional, condição “sine qua non” – considerando afetividade, empatia, entusiasmo, paixão, confiança,  motivação, mediação, humor, cuidado, espiritualidade e transcendência.

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

2) “Inteligência Espiritual” para conectar-se com o todo, entender de forma  holística as questões que precisam ser resolvidas.  

  • Proposta – “Experimentar, ad infinitum, sem limites, pequenos gestos  de transcendência18” na forma de pensar, viver e agir, comunitária e  socialmente.  

3) “Organização perspicaz” para estruturar itinerários e condutas. Garantir  intervenções construtivas, de modo inter-relacional, considerando: eu,  outro, mundo laboral e “universum”, nas organizações e sistemas.  

  • Proposta – Projetar, periodicamente, o itinerário da aprendizagem  progressiva e a conduta adequada ao desempenho organizacional  para atingir o resultado desejado.  

4) “Pedagogia da transcendência” para agregar valores a si próprio e aos  outros que desejam qualidade de vida, pessoal e profissional, na jornada  existencial. A formação do caráter passa pela sensibilidade e reflete a  personalidade de cada um por meio de atos e atitudes.  

  • Proposta – Vivenciar, periodicamente, o exercício do “permitir-se  educar”, a partir do valor que ainda não foi instalado e que faz parte  da cultura organizacional da empresa.  

5) “Comunicação congruente”, para se atingir uma ação educativa e  transformadora na prestação de serviços à clientela, considerando o cenário  da saúde em suas diversas modalidades terapêuticas. 

  • Proposta – Identificar, periodicamente, as características de uma  comunicação emocional positiva que resultaram em uma sensação  de pacificação diante de uma situação de conflito de interesses.  

18 De acordo com a psicologia, transcender está relacionado com pensamentos e emoções, e é a capacidade do ser humano  de transpor certas barreiras, se tornando superior a algumas circunstâncias.

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

6) “Metodologia sociointeracionista” para aprimorar habilidades, percepções  e a própria visão sistêmica da vida19, identificando dificuldades, facilidades  e rumos, a partir de processos não lineares, em aprendizagem. 

  • Proposta – Vivenciar, periodicamente, o exercício do “aprender a  aprender” a partir de uma informação que ainda não foi transformada  em conhecimento e que faz parte da cultura organizacional da  empresa. 

Práticas metodológicas 

  1. “Práticas de aprendizagem significativa” para potencializar a “autonomia  e o protagonismo social” do profissional, valorizando a aprendizagem entre  pares, com trabalhos de equipe em práticas transformadoras20, integrativas  e não lineares.  
  • Proposta – apresentar, periodicamente, ações práticas inovadoras, a  partir da “experiência perceptiva, intuitiva e sensorial”, resultante da  sinergia do grupo de trabalho, no exercício autônomo do  protagonismo individual e coletivo.  
  1. “Práticas de proatividade” na prestação de serviços para “identificar  necessidades antecipando problemas”, de modo criativo, a partir de  intervenções espontâneas na resolução de conflitos. 
  • Proposta – Avaliar, periodicamente, uma “decisão antecipada”,  individual e/ou em grupo, que evitou problemas, gerando resultados  responsáveis e exitosos.  
  1. “Práticas de engajamento” geradora de “mudança de paradigma”, diante da  postura reducionista à saúde integral21.  

19 A visão sistêmica acontece na perspectiva da holopráxis – práticas para se experimentar uma vivência holística (Weil). 20 O diálogo educativo inclui também a linguagem simbólica da sensibilidade, emoção e intuição. (PNEPS, 2012). 21 O contexto é a satisfação e equilíbrio – física, psíquica, emocional e espiritual da clientela e seu bem-estar em qualidade  de vida, por meio das diversas práticas terapêuticas que fazem parte da prestação de serviço da Selo Be.

10 

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

  • Proposta – Socializar no grupo, periodicamente, a mudança sócio transformadora, individual e/ou coletiva, que gerou impacto,  provocada por meio do propósito educativo e da abordagem  holística em processos de engajamento. 
  1. “Práticas da crítica e da ética” diante da diversidade do mundo terapêutico,  de modo especial, em suas diferentes modalidades. Manter-se sempre  crítico, atualizado e sensível, nos termos da bioética.22
  • Proposta – Analisar e refletir, periodicamente, os preceitos e as  regras, agregadores de valores à identidade da empresa23, considerados instalados e que fazem diferença na qualidade de vida  e na cultura da sustentabilidade.  
  1. “Práticas de recursos tecnológicos e midiáticos”, facilitando a  aprendizagem, em benefício da mente e do corpo humano, em sua  integralidade.  
  • Proposta – Analisar e refletir a qualidade da inteligência e praticidade  dos recursos tecnológicos e midiáticos e sua contribuição na  qualificação dos colaboradores e dos resultados da empresa. 

22 Bioética (…) considera os limites e as finalidades da intervenção do homem sobre a vida. 

23 Ser/estar, de modo crítico, comprometido com intenções, decisões e ações da SELO BE que conduzam ao bem-estar, à  qualidade de vida e à sustentabilidade (consciência ecológica).

11 

PRINCIPAL PERFIL PROFISSIONAL 

SELO BE DE COMUNICAÇÃO 

“De todas as competências e habilidades, a SELO BE, a ibrath e a  PANAPANAM aprendem mais e melhor com a postura do sujeito  desejante24 – humanizando-se” (…).  

  • Proposta – Analisar e refletir, a prática dos colaboradores e dos  novos terapeutas, no quesito – “aprendizado por meio da observação  e da experiência vital” e apresentar novos caminhos.  

O que nos mantêm vivos, é a busca pelo sentido do espírito humano – “postura esperançosa”25.  

“Somos apenas um fio da teia cósmica de infinitas relações26”… (Santos).  

“Mens sana in corpore sano”  

… é o melhor caminho para fazer o outro existir. 

Floripa, 24 de abril 2023 

João Barros 

24 Lifelong learner – “eterno aprendiz”. 

25 . O sentido e o significado – da vida e do mundo – dependem de nós, de nossas crenças. A crise no mundo se explica pela  falta de sentido compartilhado. É preciso considerar a ética da vida, isto é, a bioética como um dos principais selos de qualidade  ao bem-estar do “querer, sentir e pensar”. 

26 A espiritualidade se faz presente na experiência das relações significativas com os outros seres (vivos ou não), e  consequentemente, com a totalidade do ser – “é uma experiência de ser, pertencer e cuidar”.

12 

Post Tags :

Escrito por

Olá Meu nome é Raphael Barros, sou Sócio Fundador da IBRATH! O maior Instituto de Terapias Holísticas da América Latina. A mais de 10 Anos empreendo e vivo o mercado de Terapia Holística. Minha maior missão é transformar o mercado de Terapias Holísticas, gerando mais oportunidades através da inovação, desmistificação e facilitando o acesso deste conhecimento para milhares de Pessoas! Se você deseja se tornar um Terapeuta Holístico de destaque e aprender mais sobre as terapias! Você está no lugar certo! Registro Profissional Terapeuta Holístico RQH - R-376203-SC [Registro Interno IBRATH]

Deixe um comentário